fbpx

Retenção de líquidos | Principais causas e como evitar

Sabe quando você tira a meia ao final do dia e percebe que a pele ficou marcada? Ou quando o anel fica mais apertado no dedo do que o normal? Isso provavelmente é retenção de líquido.

Causada por consumo excessivo de sal, sedentarismo, problemas cardíacos, renais, ou alterações hormonais, a retenção de líquido pode gerar um leve incômodo ou impasses sérios. Por isso, é preciso estar atento!

Por sorte, as alternativas para acabar com esse problema são fáceis de serem adotadas. Pensando nisso, selecionamos todas as informações necessárias para você entender tudo sobre o assunto, confira:

O que é retenção de líquido?

 

A retenção acontece quando há um acúmulo de água em excesso nos tecidos do organismo, provocando o inchaço nas pernas e nos pés no final do dia, na barriga, pescoço ou mesmo no corpo todo. 

É preciso ficar atento à evolução dos sintomas da retenção de líquidos, pois eles podem progredir do inchaço para a vermelhidão da área afetada e, até mesmo, causar problemas maiores como dores no peito e falta de ar.

Durante o período menstrual, gravidez e temperaturas elevadas, a condição é ainda mais comum.

Sintomas

 

Como citamos anteriormente, o principal sinal da retenção de líquidos é o inchaço no corpo. Esse edema pode aumentar e diminuir, sendo facilmente notado.

Outro sintoma é a redução da urina, pois o corpo tenta diminuir qualquer perda de água. 

Causas

 

A retenção de líquido pode ser recorrência de outras causas, como:

  • ficar longos períodos em uma mesma posição;
  • usar medicamentos que corroboram para o acúmulo de líquidos;
  • insuficiência renal e hepática;
  • doenças cardiovasculares: insuficiência venosa, cardíaca e pressão alta.

O que fazer?

 

Beba muito líquido

 

O primeiro e principal passo para acabar com a retenção de líquido é beber bastante água, ela é essencial para o funcionamento das células e dos rins, que eliminam toxinas e o sódio de que não precisamos.

Além disso, quando não ingerimos água suficientemente, o corpo tende a reter líquido para evitar a desidratação.

Também vale ressaltar a importância de ingerir chás diversos como diuréticos. A ingestão de mais líquidos faz com que nosso organismo sinta mais necessidade de ir ao banheiro, levando embora as toxinas que corroboram com a retenção de líquidos. 

Opte por consumir frutas com grande quantidade de líquido, como melancia, melão e abacaxi.

Praticar atividades físicas

 

O sedentarismo também pode ser uma das causas, pois a falta de atividade física desestimula a circulação sanguínea.

Quando permanecemos muito tempo parados, o sangue circula do coração para as extremidades, como braços e pernas, e encontra dificuldade para fazer o caminho de volta.

Inclua atividades físicas na sua rotina de forma regular.

Se você trabalha o dia inteiro sentado, experimente se alongar a cada duas horas. Se você trabalha de pé, procure fazer pausas com a maior frequência possível para flexionar as pernas e mexer os pés em movimentos circulares.

Você também pode, ao chegar em casa, deixar os membros elevados por algum tempo.

A contração de grandes grupos musculares como braços, pernas e glúteos força o excesso de líquidos a ser eliminado através da urina. Por isso, é comum sentir vontade de urinar após 1 hora de exercícios na academia.

Cuidado com alimentação

 

É importante ter alguns cuidados com a alimentação para diminuir a retenção de líquidos, sendo os principais:

  • Substituir o sal para preparar ou temperar os alimentos por salsinha, ou orégano;
  • Evitar os alimentos enlatados, embutidos ou outros que tenham muito sal;
  • Ingerir alimentos ricos em água, como rabanete, nabo, couve-flor, melancia, morango, melão, abacaxi, maçã ou cenoura;
  • Aumentar o consumo de alimentos ricos em potássio, como folhas de beterraba cozida, abacate, iogurte desnatado, suco de laranja ou banana;

Drenagem com Cicatribem

 

A drenagem linfática é uma ótima estratégia para eliminar o excesso de líquidos do corpo, ela pode ser feita de forma manual, em um tipo de massagem suave e com movimentos bem marcados, mas também pode ser realizada por profissionais com equipamentos eletrônicos próprios para drenagem linfática.

As massagens com Cicatribem são ótimas alternativas para quem deseja acelerar o processo de retenção. Nosso creme anti estrias age também na intensa hidratação da pele e fortalece a derme e reduz visivelmente o inchaço no corpo em pouco tempo.

Não existe nada melhor do que tirar um tempo para cuidar de nós mesmos, então aproveite o momento de autocuidado para se massagear com Cicatribem!

 Clique aqui e compre agora o seu com o cupom #BLOG20.

 

Compartilhe esse artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Você também poderá gostar